segunda-feira, 7 de junho de 2010

Linhaça Dourada: Ouro para teu organismo


Nos sintomas da menopausa, diminui as ondas de calor e auxilia no aumento da secreção de lubrificante vaginal.

Esta semente é um superalimento com ômega 3, fibras, vitaminas, minerais e proteínas. Combinação perfeita para garantir o bom funcionamento do organismo, prevenir o envelhecimento e o surgimento de doenças. Ainda não a consome? Então comece agora!

A semente de Linhaça dourada é originária de regiões frias como Canadá e EUA e já está sendo difundida na América do Sul, mais especificamente aqui nas Missões. Esta semente possui alto teor vitamínico e seus benefícios nutricionais são indiscutíveis.

Conhecida também como semente do linho, a linhaça dourada tem a casca mais fina e o sabor mais suave que a marrom, fonte vegetal de ácido graxo Omega 3 , que tem efeitos benéficos a nossa saúde por diminuir os riscos de doenças cardiovasculares como o infarto e a trombose. Entretanto, o que torna a linhaça ímpar pra valer, atende pelo nome de lignana, substância que começa a sair do anonimato. Não é para menos, ela praticamente faz às vezes do estrógeno, ao se ligar a receptores celulares, a lignana funciona como um falso hormônio. A ingestão de 45 g de semente de linhaça (3 colheres de sopa) por dia pode diminuir os sintomas da menopausa, como fogachos (ondas de calor) e ressecamento vaginal, melhora na lubrificação vaginal já foi percebida e comentada entre todas as mulheres que consomem linhaça regularmente..

As investigações e a experiência clínica têm demonstrado que o consumo regular de semente de linhaça dourada ajuda na prevenção das seguintes doenças:

Alterações de Peso: a linhaça moída é excelente para baixa de peso, pois ajuda a eliminar o colesterol. Ajuda a controlar a obesidade e a sensação desnecessária de apetite por conter grandes quantidades de fibra dietética. Ela possui cinco vezes mais fibra que a aveia. Se você deseja emagrecer, tome uma colher a mais pelas tardes.

Nos distúrbios de peso, a linhaça não deixa engordar ou emagrecer além do normal, como no caso dos manequins muito magros. É indicada no auxílio do combate a depressão e agressividade voltadas para dentro (anorexia - o excesso de noradrenalina) e obesidade.

Sistema Nervoso: é um tratamento para a depressão. As pessoas que consomem linhaça sentem uma grande diminuição da tensão nervosa e uma sensação de calma. Ideal para pessoas que trabalham sob pressão. Melhora as funções mentais e os problemas de conduta. A linhaça é uma dose de energia para o cérebro, porque contém os nutrientes que estimulam reanimações naturais.

Sistema Digestivo: ideal para prisão de ventre e acidez estomacal. Lubrifica e regenera a flora intestinal. Auxilia na expulsão de gases gástricos. É um laxante por excelência. Previne os divertículos nas paredes do intestino. Elimina toxinas e contaminadores. Sistema Imunológico: a linhaça alivia alergias e é recomendada até para pacientes com Lupus. A semente de linhaça, por conter os óleos essenciais Ômega 3, 6 e um grande conteúdo de nutrientes de que precisamos constantemente, faz com que nosso organismo fique mais sadio, oferecendo uma grande resistência às doenças. A semente de linhaça contém, aproximadamente, duas vezes mais ômega 3 do que os encontrados nos óleos de peixes.

Sistema Cardiovascular: é ideal para tratar a arteriosclerose, elimina o colesterol aderido nas artérias, esclerose múltipla, trombose coronária, pressão alta, arritmia cardíaca, incrementa as plaquetas na prevenção da formação de coágulos sangüíneos. É excelente para regular o colesterol ruim.

Saúde para os homens: encontramos aqui mais pontos fortes para a linhaça. Um novo estudo confirma o poder dessa semente contra tumores. Pesquisadores da Universidade de Duke, nos Estados Unidos, acabam de provar que pitadas diárias de linhaça evitam o câncer de próstata. "Ela possui lignana, fibras e ácidos graxos ômega 3, uma combinação de substâncias que auxilia na prevenção de células malignas".

Doenças Inflamatórias: o consumo de linhaça diminui as condições inflamatórias de todo tipo, por exemplo, aquelas doenças terminadas em 'ITE', tais como: gastrite, hepatite, artrite, colite, amidalite, etc. Contém também a específica vitamina F explicando-se, assim, a resistência contra as doenças da epiderme.

Retenção de Líquidos: o consumo regular de linhaça ajuda os rins a excretarem água e sódio. A retenção de água (edema) acompanha sempre a inflamação de tornozelos, alguma forma de obesidade, síndrome pré-menstrual, todas as etapas do câncer e as doenças cardiovasculares. Possui excelente efeito terapêutico em casos de inflamações dos rins e da bexiga, nos espasmos da bílis e do sistema urinário

Diabete: o consumo regular de linhaça favorece o controle dos níveis de açúcar no sangue: excelente notícia para os dependentes de insulina. No caso de pedras do sistema hepático e dos rins, é mais vantajoso o uso do óleo de linhaça que é de grande valor alimentício.

Vitalidade Física: um dos mais notáveis indicativos de melhora devido ao consumo de linhaça é o incremento progressivo da vitalidade e da energia. A linhaça aumenta o coeficiente metabólico e a eficácia na produção de energia celular. Os músculos recuperam-se da fadiga do exercício. Seus efeitos positivos devem-se, naturalmente, à grande presença de proteínas, fibras e ácidos graxos essenciais 3 e 6.

Para melhor aproveitamento de seus nutrientes, triture as sementes e use a farinha nas mais diversas receitas. Colocar de molho a noite, faz a semente iniciar a germinação, o que traz grandes vantagens.


Vera Dalla Vechia

Giroil Agroindústria

2 comentários:

  1. Consumo linhaça regularmente e me sinto muito bem.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir