domingo, 6 de junho de 2010

Farinha de Linhaça Dourada Desengordurada

Uma nova alternativa para espantar a fome e ficar “enxuta” !

A linhaça, além de provocar um funcionamento perfeito do intestino e dá oleosidade, ajuda a desentupir as veias e dar disposição.

Febre entre as celebridades, a farinha de linhaça dourada, moída da semente do linho, é a novidade do momento. Indicada para quem tem problemas nos sistemas digestivo, nervoso, cardiovascular ou imunológico, ajuda a tratar doenças tão distintas quanto depressão, esclerose múltipla, pressão alta e prisão de ventre. É saudável, e dá energia.

A linhaça é rica em ômega 3 e ajuda a perder peso, pois elimina o colesterol de forma rápida, controla a obesidade, diminui doenças como gastrite, hepatite, artrite, amigdalite e meningite, entre outras. O resultado ainda pode ser visto na pele, eliminando acne e espinhas, e no cabelo, no tratamento de caspa e até em casos de calvície. O ganho na disposição também faz parte do "pacote de benefícios" da substância.

A casca mais externa das sementes de linhaça, com 05 camadas, é a responsável pela absorção de líquidos, estando a dourada com uma capacidade muito maior que a marrom, tendo assim maior capacidade de absorver toxinas e açúcares dentro do organismo. Elas apresentam um flavonóide na fibra chamado lignana.

A lignana é produto da transformação da lignina em composto fenólico, que são metabolizados no intestino humano (pelas bactérias intestinais), formando o enterodiol e a enterolactona. Estes compostos, por sua vez possuem ação anti-estrogênica e ao mesmo tempo fraca ação estrogênica, sendo muito semelhantes às isoflavonas da soja.

A semente dourada apresenta índices de lignana muito superiores aos da linhaça marrom. Na linhaça marrom, a lignana apresenta-se endurecida e fundida na casca, já que os processos de amadurecimento de ambos os tipos são diferentes. A linhaça dourada possui uma casca menos densa, fato que favorece o aproveitamento da lignana.

O aparelho digestório do ser humano não possui ácidos capazes de dissolver a lignana por completo. Quanto mais dura for a casca da semente, menor será o aproveitamento.

A Linhaça auxilia no funcionamento do intestino

É um alimento rico em fibras e por isso pode auxiliar na regularização da função intestinal. A maioria dos casos de mau funcionamento do intestino é devido a hábitos alimentares e estilo de vida errados, começando por uma dieta pobre em fibras, pouco consumo de líquidos e terminando pelo sedentarismo.

Para o intestino funcionar melhor, aumente a quantidade de fibras da dieta, ingerido diariamente de 2 a 3 colher de sopa de farinha de linhaça com liquido (suco, leite de soja). As fibras aumentam o volume das fezes, estimulando a sua liberação.

As crianças podem utilizar farinha de linhaça

Pode ser usado por pessoas de todas as idades, inclusive crianças. O ácido graxo ômega 3 é essencial no desenvolvimento cerebral de crianças. Segundo o artigo “Omega 3 e Desenvolvimento Cerebral de Crianças”, no Anuário de Nutrição e Pediatria 2006, uma dieta que contenha fontes variadas de ômega-3 favorece a saúde cerebral. Recomenda-se ingerir uma quantidade menor para crianças – 1 colher de sopa ao dia.

Devemos consumir as sementes da linhaça trituradas

Para melhor aproveitamento dos benefícios da linhaça, é preciso ingerir a semente triturada. Como a semente é muito pequena, dura e sua casca é espessa, fica difícil rompê-la durante a mastigação para aproveitar seus nutrientes.

Ácido graxo essencial presentes na linhaça

O corpo humano e de outros mamíferos tem a capacidade de sintetizar certos ácidos graxos saturados e insaturados, mas é incapaz de sintetizar ácidos graxos poliinsaturados como o ácido linoléico (ômega 6) e o ácido linolênico (ômega 3), sem os quais não funcionaria adequadamente.

Por esta razão, esses ácidos são chamados “essenciais” e devem ser incluídos na dieta. Os ácidos graxos ômega 3 e ômega 6 são essenciais como componentes das membranas de todas as nossas células.

Benefícios dos ácidos graxos ômega 3 no nosso organismo

Em humanos, os ácidos alfa-linolênico (ômega 3) e linoléico (ômega 6) são necessários para manter sob condições normais, as membranas celulares, as funções cerebrais e a transmissão de impulsos nervosos. Esses ácidos graxos também participam da transferência do oxigênio atmosférico para o plasma sangüíneo, da síntese da hemoglobina e da divisão celular.

Os ácidos graxos ômega 3 são também muito conhecidos por suas ações sobre o sistema cardiovascular: podem diminuir a incidência de infarto do miocárdio, efeito antiarritmico, diminuição da morte cardíaca súbita, redução da pressão arterial elevada, melhora o perfil de triglicérides e ainda redução da aterosclerose.

Outros efeitos dos ácidos graxos ômega 3 são propriedades antiinflamatórias e antitrombóticas.

Auxilia nos sintomas da menopausa

As pesquisas mostram que a ingestão fitohormonios por mulheres na fase da menopausa tem bons resultados de alívio dos sintomas, além de outros benefícios.

Os fito-hormonios, como próprio nome já diz, são provenientes de fontes vegetais (naturais), similares aos hormônios encontrados no nosso organismo. Na soja, estão presentes as isoflavonas, um tipo de fitohormonio, e na linhaça encontram-se lignanas, outro tipo. Consumindo um complemento diário de farinha de linhaça, se tem uma diminuição dos sintomas da menopausa, como suores, dores de cabeça e insônia, em 80% das mulheres.

A Farinha de Linhaça Dourada Desengordurada

É um produto do grão da linhaça dourada, obtido pela extração do óleo pelo método de prensagem a frio. É riquíssimo em fibras onde estão presentes as Lignanas. Como uma boa parte do óleo já foi extraído, ela apresenta-se na forma de farinha e não corre risco de oxidação, essa farinha tem baixas calorias e muita fibra, que proporciona uma saciedade, sendo ideal para dietas de emagrecimento e para pessoas que estão dispostas a chegar no verão com alguns quilos a menos.



Vera Dalla Vechia

Giroil Agroindústria

Nenhum comentário:

Postar um comentário